FAQ

Que tipo de yoga praticam nas aula?

As aulas são de Hatha Yoga.

O que é Hatha Yoga?

É um tipo de yoga, aquele que se pratica na maioria das aulas de yoga tal como a maior parte das pessoas as conhecem. É um tipo de yoga físico, que parte do princípio que o corpo é um templo do qual temos de cuidar e que utiliza métodos muito antigos e completos para exercitar, purificar, e equilibrar o corpo no seu todo e acalmar a mente. O Hatha yoga combina posturas físicas (asanas), com exercícios respiratórios (pranayama) e relaxamento profundo ou meditação. Ha significa sol e tha lua, é o equilíbrio das polaridades e opostos. Há outros tipos de yoga mais dinâmicos (ashtanga vinyasa), outros baseados no estudo filosófico da teoria do yoga, entoação de mantras, meditação apenas etc.

Tenho de escolher um horário fixo?

Pode praticar sempre em qualquer dos horários. Se escolher a modalidade de 2x por semana por exemplo, e numa semana só conseguir vir 1 vez, pode compensar nas semanas seguintes.

Posso experimentar uma aula?

Pode e deve! A primeira aula é sempre gratuita, basta preencher uma ficha de pré-inscrição. É bom, no entanto, experimentar inscrever-se por um mês, só assim pode realmente dizer que experimentou fazer yoga.

Posso assistir a uma aula?

Há muitas pessoas que fazem esta pergunta. É muito desconfortável para quem está a fazer a aula saber que está alguém de fora da aula a assistir, por isso preferimos que ninguém assista. Venha experimentar uma aula sem medos, se não gostar e quiser ir embora a meio, ninguém leva a mal 🙂

O que preciso de fazer para me inscrever?

Venha pelo menos 10 minutos mais cedo na primeira aula em que queira começar para preencher a ficha de inscrição (caso não o tenha feito ainda) e proceder ao pagamento.

Quando são pagas as mensalidades?

Na primeira aula do mês a que vier.

Quero entrar a meio do mês, tenho de pagar toda a mensalidade?

Não, para alunos que iniciam a prática noutra altura que não o início do mês, a mensalidade é paga proporcionalmente, até ao limite de 50% do valor normal.

Quanto tempo antes devo chegar à aula? Posso entrar atrasad@?

Tente chegar entre 10 a 5 minutos antes para que comece a aula relaxado e sem stresses. Não são permitidas entradas após os primeiros 5 minutos de aula (10 em casos excepcionais) para não perturbar quem já começou.

Quanto tempo duram as aulas?

As aulas têm a duração de 1 hora, excepto as de Yoga Suave que duram 45/50 minutos.

É preciso levar tapete?

Se tiver tapete pode trazer o seu. Para quem não tem, não se preocupe que há muitos tapetes disponíveis.

O que se deve vestir para a aula?

Roupa confortável acima de tudo. A prática é feita com pés descalços ou meias.

Há mínimo ou limite de idade para praticar yoga?

O yoga é para todos, o que inclui todas as idades! Quanto a crianças, há aulas de yoga específicas apenas para elas. A idade a partir da qual se pode participar nas aulas para adultos depende muito da maturidade da pessoa.

Que cuidados devo ter antes da aula?

Não deve comer nas 2 horas que antecedem a aula. Peças de fruta e snacks leves até 1 hora ou 30 minutos antes. Desligar o telefone antes do início da aula.

Posso praticar yoga enquanto estou menstruada?

Claro que sim, o yoga ajuda bastante nas dores menstruais. Deve apenas informar a instrutora pois não se deve fazer posturas invertidas (cabeça mais baixa do que o resto do corpo) nos primeiros dias da menstruação (quando o fluxo é maior e há risco de inverter a sua direcção). Este tema é algo controvertido, havendo várias pessoas que defendem que não há qualquer risco para a mulher fazer invertidas nestes momentos, fica ao critério de cada um, no entanto, o meu conselho é não praticar invertidas completas nos primeiros dias do período. Serão indicadas posturas alternativas.

Há aulas de yoga para seniores?

Temos uma modalidade de yoga suave que abarca as necessidades de pessoas mais velhas que não queiram fazer as aulas normais, como de qualquer outra pessoa que queira uma prática mais suave!

Há aulas para principiantes? Há aulas para alunos intermédios? Há exercícios muito difíceis?

As nossas aulas baseiam-se no princípio de que uma boa aula de yoga deve conseguir abarcar alunos absolutamente principiantes no yoga até alunos intermédios, pelo menos. O yoga não é competição, nem sequer connosco mesmos. A explicação de cada postura começa sempre com as variantes mais fáceis, permitindo a cada pessoa ir mais longe quando o possa e queira fazer.

Um dos “asanas” mais importantes no yoga é não se importar com o que conseguimos e não conseguimos fazer, trabalhar por não nos importarmos com o que a pessoa do lado faz e respeitar e tratar com cuidado o nosso corpo e os seus limites.

As posturas mais importantes do yoga podem ser praticadas por qualquer pessoa, utilizando algumas variantes se necessário.

Para os experientes, o princípio é o mesmo, o mais importante são algumas posturas básicas, que são essenciais tanto para principiantes como para avançados.

Aliás, a classificação de iniciante, intermédio e avançado é algo um pouco estranho ao verdadeiro mundo do yoga. Se essa classificação verdadeiramente existir é mais no plano psicológico e mental do que físico. Pode haver alunos muito avançados na prática de yoga que não tocam com as mãos nos pés!

Curios@? Vem experimentar o encantado mundo do yoga!

Há alguma altura do ano para começar?

Não! Pode começar a praticar yoga em qualquer altura, as inscrições fazem-se durante todo o ano. Pode aparecer para experimentar uma aula sempre que quiser, será dada uma atenção especial aos novos alunos que com certeza se irão sentir bem mesmo numa aula com pessoas que já praticam há mais tempo.

Não tenho flexibilidade/força/resistência nenhuma ou tenho excesso de peso, e agora?

E agora venha imediatamente fazer uma aula! “Um médico que quer apenas pessoas saudáveis como pacientes não é um médico” (Satyananda Saraswati). O yoga é, efectivamente, para TODOS! Flexíveis ou não, com muito ou pouco peso, ricos ou pobres, fortes ou fracos, novos ou velhos, mulheres ou homens, qualquer pessoa pode praticar yoga!

O Yoga melhora a flexibilidade, a postura, a consciência corporal e a condição física em geral. Acalma a mente e torna-nos mais concentrados e relaxados. Quem já tem isto tudo em abundância, está dispensado!

Há contra-indicações para a prática de yoga?

O yoga é para ser praticado por todo o tipo de pessoas, no entanto, há certas posturas que não devem ser praticadas quando se tem certas condições. É especialmente importante informar a instrutora se estiver grávida, se tiver problemas cardíacos, tensão alta, problemas respiratórios, problemas oculares, problemas na coluna, articulações ou estômago, lesões, cirurgias recentes, endometriose e outros problemas de saúde que possam ser relevantes para a prática de exercício físico.

Não tenho dinheiro para pagar as mensalidades, e agora?

Entre em contacto connosco e arranjaremos uma solução, que o dinheiro nunca seja impedimento para a prática de yoga.

O Yoga é um desporto?

Não, a palavra desporto tem sempre implícita uma ideia de competição, que está totalmente excluída da prática do yoga.

O yoga é um exercício físico?

As aulas de Hatha Yoga baseiam-se maioritariamente na prática de Asanas (posturas físicas), que são um exercício muito importante para o nosso corpo, por isso, nessa medida, o yoga é um exercício físico. Mas é muito mais do que isso! O yoga trabalha a nossa respiração, trabalha a capacidade de relaxarmos e de nos concentrarmos, trabalha a nossa consciência corporal que por sua vez nos leva a termos mais consciência de várias coisas na nossa vida e à nossa volta, etc etc etc!

“É senso comum que mesmo uma pessoa musculada é incapaz de suportar a pressão e o stress de uma vida por muito tempo. Isto significa que há uma acção constante e inevitável da mente no corpo que os meros exercícios físicos não são capazes de atingir. Esta é a maior diferença entre asanas e exercícios físicos. Os asanas não são apenas bons para manter o corpo saudável e forte mas também ajudam de uma maneira subtil, com a ajuda do pranayama, a construir força mental. Os asanas tomam em consideração várias partes do corpo e formam um sistema completo de exercício do sistema nervoso.” (Satyananda Saraswati)

Como é uma aula de yoga?

As aulas de hatha yoga têm uma parte de relaxamento, uma parte de asanas (posturas), uma parte de pranayama (exercícios respiratórios) e o mantra Om no final. Esta é apenas uma síntese para aqueles curiosos incansáveis. Se não sabe como é uma aula, venha experimentar!

Tenho de cantar nas aulas de yoga?

Claro que não! No yoga utiliza-se algo a que se chama “mantras” que são sons ou “poemas” que se entoam, a maior parte deles com milhares de anos. No entanto, nas nossas aulas, estes momentos de entoação de mantras serão feitos apenas em algumas aulas e totalmente à parte da aula normal. No final da aula, por vezes, a professora pergunta quem quer ficar mais 15 minutos para entoar alguns mantras e fazer um pouco de meditação. O único “mantra” utilizado nas aulas é o Om, que é entoado 3 vezes no final, sendo, ainda assim, totalmente opcional, apenas para quem se sinta bem em fazê-lo, se não quiser entoar, simplesmente relaxe ao ouvir o som.

O yoga é uma religião?

Não, o Hatha yoga não é uma religião, o yoga tem uma perspectiva totalmente universal, há muitos praticantes de yoga que pertencem às mais variadas religiões.

Passado quanto tempo noto resultados da prática de yoga?

O impacto do yoga no nosso corpo varia de pessoa para pessoa mas ao fim de 3 ou mais meses de prática regular e assídua a maior parte das pessoas sente grandes avanços (o bem-estar sente-se logo nas primeiras aulas!). Se estiver muito preocupado em quanto tempo vai ver resultados, definitivamente tem de vir experimentar fazer yoga durante algum tempo!

Tenho de ser vegetariano para praticar yoga?

Claro que não!

Só quero praticar yoga para fazer exercício físico/porque o médico recomendou/para emagrecer/para melhorar a minha flexibilidade/para me acalmar/porque estou deprimid@/para passar o tempo/por motivos espirituais, faz sentido ir às aulas do Yoga Masala?

A ideia é dar espaço para todos! Qualquer motivo razoável para praticar yoga é total e absolutamente legítimo.

Que língua é essa que às vezes se usa para designar o nome das posturas (asanas)?

A língua do yoga é o sânscrito, uma língua indo-europeia, comparável ao latim ou grego antigo, mas que ainda é falada em algumas zonas da Índia. Os grandes livros base do yoga foram escritos em sânscrito. Todas as posturas têm o seu nome original em sânscrito, embora, por vezes, com certas posturas, exista mais do que uma denominação em sânscrito devido à diferença entre escolas e estilos de yoga.

O alfabeto do sânscrito é o devanagari (o mesmo que, por exemplo, o hindi), a maneira como escrevemos as palavras em sânscrito (com o nosso abecedário) resulta da transliteração.

O símbolo do Om  , por exemplo, resulta da escrita desta silaba no alfabeto devanagari.

A palavra asana (postura) em sânscrito escreve-se आसन, com a transliteração fica āsana (acentuação no primeiro ‘a’), que literalmente significa sentar/assento, mas é hoje utilizado para designar as posturas do yoga.

A postura da árvore, por exemplo, escreve-se वृक्षासन, sendo a transliteração vṛkṣāsana, por isso, nas aulas, por vezes chamamos à postura da árvore vrikshasana (escrevendo como se lê).

Se tiver mais questões, entre em contacto!

Anúncios

3 thoughts on “FAQ

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s